Dia a dia

Atualizando as informações

Já se foram quase seis meses (sim!) de Alemanha. Acho que agora, depois de quase um semestre de mudanças intensas e extremas, consigo sentir a tranquilidade de uma boa rotina se estabelecendo por aqui. Talvez, essa nova fase, mais calma e de descobertas mais profundas do que numerosas, explique um pouco o motivo de eu ter me ausentado por um tempo dos textos do blog. Para falar a verdade, não estava com vontade de escrever, mas de aproveitar tudo o que esses meses me reservaram.

E não foi pouca coisa. Muito aconteceu desde meu último post. Daí, bate aquela pressãozinha interna (e de alguns amigos! hehe) perguntando quando é que vou atualizar as informações do blog. Bom, acho que esse dia chegou, gente. Então, deixa eu contar um pouquinho das minhas novidades:

Mudamos de casa!

O Tiago e eu temos uma casinha nova pra chamar de nossa. É alugada, mas já tem bem o nosso jeitinho. Como contei logo nos primeiros posts do blog, quando o Tiago recebeu a proposta para vir trabalhar na Alemanha, houve um acordo para que morássemos temporariamente em um local fornecido pela empresa até que encontrássemos nossa nova residência. O combinado deu super certo e, agora, já fizemos nossa primeira mudança em solo alemão. E essa parte foi bem fácil: não tínhamos nada além das malas de roupas que trouxemos do Brasil, então não havia motivo para nos preocupar com o transporte das coisas para o novo lar.

Compramos tuuuuuuuudo novo

Desde as lâmpadas de toda a casa, até máquina de lavar e secar, passando por roupas de cama, mesa e banho, sofá, móveis e utensílios de cozinha. Tudo o que deixamos para trás no Brasil tivemos que comprar na Alemanha. E, assim ó, de um dia pro outro. Pá-pum!

Mas estávamos preparados para isso. Trouxemos do Brasil uma determinada quantia (pois essa compra toda já estava nos nossos planos) e fomos fazendo uma lista das coisas essenciais para uma casa. Daí, uma semana antes de mudar, fomos ao Ikea – uma loja linda-maravilhosa-sensacional-e-tudo-de-bom-que-eu-amo-de-paixão (posso comparar os preços com os das Casas Bahia e o designer com o das coisas da TokStock) – e passamos o dia inteirinho escolhendo nossas coisas.

Lembro de poucas vezes ter me sentido tão cansada na minha vida. Na hora de escolher o tipo de colchão e o estofado do sofá, por exemplo, o corpo já nem sentia mais a diferença dos produtos – “é tudo confortável, me deixe ficar aqui só mais 5 minutinhos, por favôôôr”, eu pensava. Rs!

Montamos tuuuuuuudo o que compramos

Na Alemanha, não tem essa de ficar contratando serviço de montagem para suas coisinhas, não! Ou melhor, até tem, mas custa uma fortuna tão grande que serve de motivação para você sair montando tudo sozinho. Hehe!

A gente se divertiu bastante. O Tiago até falou que encarava as peças, parafusos e manuais como um “Lego de adulto”! Rs! E foi assim: dois dias antes de nos mudarmos de vez pra cá, montamos todos os nossos móveis: guarda-roupa, cama, cômoda, mesa, cadeiras, sofá, estante… Daí, trouxemos as malas de roupa e, pronto, mudança concluída com sucesso!

E a parte mais legal de tudo isso é olhar para as nossas coisinhas e enxergar nitidamente nós dois em tudo. Não apenas escolhemos as coisas que queríamos para a casa, mas pusemos a mão na massa para construir o nosso aconchego. Assim, ficou fácil se sentir em casa. Lar, doce lar!

Aulas e mais aulas de alemão

Outra novidade mega legal que eu estou curtindo são as aulas de alemão. Já estou terminando o segundo módulo – o que me permite dizer que tenho nível A1 de alemão!!!- e, na próxima semana, inicio o terceiro. As aulas são muito prazerosas e estou me dedicando pra valer. Desculpa, mas preciso dizer: sou a melhor aluna da sala (#AlemãoOstentação #AlunaExemplar) e já virei o dicionário/gramática/guia ambulante dos meus colegas: “Lissa, essa palavra é masculina, feminina ou neutra?”, “Lissa, aqui é nominativo, acusativo ou dativo?”, “Lissa, você fez o exercício tal?”. Hahahaha! E estou achando o máximo, pois sempre fui uma “aluna mediana”, nunca a melhor. Rs!

E os colegas também são ótimos. Apesar de não conseguirmos nos entender muito além daquilo que aprendemos em sala (já que cada um vem de um lugar diferente do mundo e fala um idioma diferente), nossa diversão é garantia – fazemos até memes uns dos outros em aula, para zoar com as particularidades de cada um, e ficamos mandando no grupo do WhatsApp – tudo em alemão, claro! 😀

Igreja!

Essa novidade a gente encara como uma prova muito especial do cuidado de Deus por nossa vida. No Brasil, o Tiago e eu sempre frequentamos a Igreja Batista e, por isso, sabemos como é importante e gostoso ter aquela comunhão com outros irmãos na fé. Desde que aceitamos a proposta de vir morar na Alemanha – o que também vimos como um presente de Deus para nós -, oramos pedindo para que Ele nos fizesse conhecer pessoas que compartilham a mesma fé que nós na Alemanha.

E encontramos! Aqui, na nossa nova cidade, há uma nova obra missionária sendo realizada. Não há ainda uma igreja, um templo, um lugar exclusivo para as reuniões de oração e estudos bíblicos, mas há pessoas que compartilham a mesma vontade de viver e anunciar o evangelho como nós dois. Os “cultos” são na casa de um pastor sustentado por uma missão Batista nos Estados Unidos. O idioma dos encontros é o alemão, claro, mas mesmo que não consigamos ainda entender tudo o que é falado, compreendemos perfeitamente o amor que essas pessoas já têm por nós, mesmo sem nos conhecer tão bem – e é um amor recíproco.

Só que a saudade… Ah… Essa chata…

Como dá para ver, estou cheia de novidade boa pra contar. Mas, com o semestrinho quase concluído, chega aquela hora de a saudade bater cada dia mais forte. Saudade do pai, da mãe, do irmão, da sogra, do sogro, dos cunhados, das vós, do vô, das tias, dos tios, dos primos. Saudade dos amigos. Saudade de quem eu amo e de quem também me ama. Saudade de sair na rua e ouvir português, de falar português, de entender a conversa do vizinho e não ter que me preparar para falar com alguém sobre um determinado assunto.

A saudade aperta e dói. E arrasta…

E fica.

E fica tanto que, por mais coisas boas que aconteçam aqui, tem dia que eu só penso na saudade. Vontade de voltar não dá, só se for pra visitar. Melhor: só se for pra visitar e trazer todo mundo de quem eu sinto saudade comigo. Uma pena não ser possível.

Mas a gente continua mesmo com saudade. E, quando vê, já se passaram mais alguns meses sem postar no blog outra vez… Rs!

Bom, já vou ficando por aqui (e com saudade!).

Beijo! Até a próxima, gente! 🙂

Lissa

Ah! Já que, nesse post, eu falei da minha casa nova pra vocês, deixa eu terminar com algumas fotos desse lugarzinho fofo e gostoso que estamos morando. Sintam-se em casa, gente! E venham nos visitar assim que puderem! 🙂

Anúncios

14 comentários em “Atualizando as informações

  1. Quanta coisa boa tem acontecido com vocês Lissa! Obrigada por compartilhar conosco essa experiência.
    Quanto a saudade…ah a saudade é mesmo danada e serve para fortalecer laços verdadeiros. Respire fundo e siga em frente!
    Continuo torcendo por vocês…Sejam sempre muito felizes !!
    Bjs Rizzi

    Curtido por 1 pessoa

  2. Lissa, adorei suas novidades. Sua casa ficou linda, parabéns. Que sorte (e esforço) a sua que você é muito boa no alemão. Você poderia me dar aulas, Rsrs, estou terminando o B1, não sei o gênero de muitas coisas, as vezes encontro dificuldade com o Dativ, Akk e Genitiv. Nunca tive facilidade em aprender idiomas e também não sou muito Fleißig. Convido você novamente para me visitar aqui em Passau e me dar aula de alemão. Bjo.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi, Daniela! Que gostoso receber sua mensagem! Obrigada!
      Bom, da mesma forma que sou péssima com matemática e contas, sempre tive facilidade com gramática e idiomas. É a minha área. Rs! E eu te ensinaria (o pouco que eu sei) com muito gosto. Obrigada por sempre me estender o convite a Passau. Eu quero ir mesmo. E saiba que está convidadíssima para conhecer Neumarkt e minha nova casa, tomar um cafezinho com bolo. Beijo!

      Curtir

      1. é verdade, sempre tive mais facilidades com números. Rsrs. De repente nas férias do curso eu posso ir te visitar. Obrigada. Continue com seu alto astral e seus posts. Beijo.

        Curtido por 1 pessoa

  3. Também estamos com saudades, mas muito felizes porque vocês estão bem. Vou pedir para o Fernando incluí-los em nosso WhatsApp familiar. A Thaís está lá e nos conversamos diariamente. Um fortíssimo abraço e um grande beijo para vocês. Nos vemos em breve.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Oi, linda! Quantas novidades…quantas coisas boas na vida de vcs…quanta saudades, fico muito feliz em saber q vcs estão felizes, a casa tá uma graça Lissa!!! Q Deus continue derramando muitas bençãos sobre vcs!!bjo gde!!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Lissa, querida!!
    Como eu poderia imaginar que algum tempo de Multivias me traria manhãs tão agradáveis com os seus posts!!
    Estou muito feliz por vcs! Adoro e curto cada uma das suas novidades!! Sei que quando vier a Rio Preto, vai ser muuuiiito corrido, mas eu gostaria só de passar para te dar um abraço e sempre te desejar o melhor!!
    Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s